HPV e Imunologia

HPV e Imunologia

imunoO mecanismo pelo qual esse vírus escapa das defesas imunológicas do hospedeiro são múltiplas, e garantem a sua sobrevivência e replicação. Portanto essa infecção se torna crônica dificultando os estudos epidemiológicos como nas epidemias virais tradicionais.

Vírus morfologicamente iguais e imunologicamente diferente induzem doenças semelhantes, e, um mesmo tipo viral pode produzir lesões HPV induzidas diferentes.

Em muitas infecções virais se desenvolve a imunidade humoral e a mediada por células. A humoral permite o diagnóstico. Porém no caso do HPV, como a imunidade humoral não está bem estabelecida, o diagnóstico baseia-se nas alterações celulares (estudo histopatológico das lesões), a sorologia tem sido de valor limitado, e a dificuldade está em se obter autênticos antígenos para serem usdos com alvos para os anticorpos do HPV. Os testes de DNA viral tem sido importantes para o diagnóstico e a tipagem deste vírus.

A resposta humoral frequentemente não é suficiente para erradicar a infecção, e a resposta celular é necessária.

Portanto, a aquisição, persistência, e progressão clínica da infecção pelo HPV são determinadas:

  • Pelo potencial de transformação do vírus (alto e baixo risco),
  • Pelos mecanismos de controle intracelular
  • Pela eficiência da resposta imunológica antiviral.

Enquanto a resposta humoral é responsável pela inativação das partículas virais, e pode impedir a transcrição e a disseminação, a destruição das células infectadas e a regressão das lesões HPV induzidas, são controladas pela imunidade celular.

A resposta imunológica celular consiste de:

  • Produção de citoquinas com propriedades antivirais, antitumorais e imunorreguladoras,
  • Reação imunológica específica contra antígenos virais e antígenos associados á tumores representado pelas Antigens-presenting cells (APC),
  • Recrutamento de células imunocompetentes para o local da infecção viral,
  • Reações citotóxicas mediadas por células contra as células infectadas pelo vírus e células tumorais (apoptose).

Esses conhecimentos tem sido utilizados para a obtenção das vacinas profiláticas e terapêuticas, além de modelos específicos de imunoterapia.

Dessa forma:

Os mecanismos pelos quais o HPV escapa das defesas imunológicas do hospedeiro são múltiplos e garantem a sua sobrevivência e replicação.

Vírus com formas iguais e com resposta imunológica diferente podem induzir doenças semelhantes, sendo que um mesmo tipo viral pode produzir lesões diferentes.

O HPV apresenta uma resposta humoral pequena daí os exames sorológicos terem pouca importância.

Situações relacionadas a imunidade

  • Em apenas 20 a 40% dos casos os dois parceiros tem a infecção,
  • Vários homens têm contato com a mesma mulher e apenas um adquire a infecção e vice – versa.